Arquidiocese de Pouso Alegre realiza o 1º Crisma Fest

crismafestPROGRAMAÇÃO

TEMA: JOVEM, FORÇA DA PAZ!

LEMA: “Paz a vós! Como o Pai me enviou, assim também eu vos envio!” (Jo 20,21)

LOCAL: Quadra do Colégio São José em Pouso Alegre 

  • 08h30 – Chegada
  • 09h – Acolhida do Arcebispo
  • 09h05 – Oração Inicial – Com tema vocacional e participação dos jovens seminaristas do Seminário Arquidiocesano
  • 09h30 – Acolhida dos jovens + Animação
  • 09h45 – Reflexão com o tema JOVEM FORÇA DA PAZ!
  • 10h20 – Intervalo (água, banheiros…)
  • 10h40– Apresentações dos Setores (5) – 10min. p/ cada

Setor Dourado (Ano da Paz) / Setor Paraíso (Família) / Setor Sapucaí(Vida X Drogas) / Setor Mogi (CF 2015: Fraternidade: Igreja e Sociedade) /Setor Fernão Dias (Respeito X Discriminação).

  • 12h15 – Fala da Coordenação
  • 12h30 – Almoço
  • 14h – Retorno + Músicas e Animação
  • 14h20 – Apresentação dos Setores (4)

Setor Extremo Sul (O Jovem e a Experiência da Fé) / Setor Mandú(Novas Mídias) / Setor Mantiqueira (Vocação) / Setor Alto da Serra (Dons do Espírito Santo).

  • 15h – Preparação para a Santa Missa
  • 15h15 – Santa Missa presidida por Dom Majella
  • 16h15 – Agradecimentos + Encerramento

 

 

Encontro com Coordenadores Paroquiais da Pastoral Bíblico Catequética

Aconteceu neste sábado, 21 de março, na Escola Profissional Delfim Moreira em Pouso Alegre o Encontro com os coordenadores paroquiais da Pastoral Bíblico Catequética. O tema do encontro foi o Diretório Nacional de Catequese. O encontro contou com a assessoria de Marlene Silva e teve a presença de 75 catequistas de 43 comunidades paroquiais.

[wzslider autoplay=”true” height=”600″]

Você pode baixar o material do encontro clicando no botão abaixo

[button link=”http://arquidiocesepa.org.br/noticiasantigas/?smd_process_download=1&download_id=10795″ size=”large” icon=”download” color=”green”]Baixar Diretório Catequético[/button]

Ou visitando a seção de downloads de nosso site em http://arquidiocesepa.org.br/noticiasantigas/downloads/

Sugestão de Celebração para início do Ano Catequético na Arquidiocese de Pouso Alegre

Caríssimos Padres e Catequistas Coordenadores Setoriais e Paroquiais,

Com alegria enviamos estas sugestões e desejosos do empenho de todos vocês para que as celebrações aconteçam de forma bela e com unção.

Qualquer dúvida, entrem em contado conosco, por favor! O ano promete muitas surpresas boas, pela graça de Deus!

Coordenadora: Rita de Cássia Pereira Rezende

Assessor: Pe. Thiago Vilela

Pouso Alegre, 05 de fevereiro de 2015.

ARQUIDIOCESE DE POUSO ALEGRE

PASTORAL BÍBLICO-CATEQUÉTICA

 

O Fermento de Deus

– José Tolentino Mendonça –

Os que se afadigam com duros fardos,

os que esgotaram entre canseiras sua porção:

como ramo que reverdece terão ainda vigor.

Os de ânimo abatido levantarão o olhar;

uma estrela guiará nossos passos dispersos:

não mais seremos expostos à solidão.

Ao que chora será dito: “alegra-te”!

Ao da margem alguém gritará:

junta-te ao júbilo da dança”!

Os que lamentam tesouros gastos

reaprenderão a esperar pelo orvalho.

E em qualquer canto da terra,

quem reparte a vida e a beleza

será chamado fermento de Deus.

Sugestão de Celebração para início do Ano Catequético

na Arquidiocese de Pouso Alegre

Dia: Primeiro Domingo da Quaresma – 22 de fevereiro de 2015

(Conforme sugestão de nosso Arcebispo Dom Majella, faremos a abertura do Ano Catequético em nossa Arquidiocese. Preparamos esta sugestão de momento celebrativo, que poderá ser adaptado à realidade de cada paróquia. É extremamente importante envolver todos os catequistas (batismo, adultos, iniciação, matrimônio), catequizandos e famílias para participarem da celebração do Primeiro Domingo da Quaresma, na qual acontecerá a abertura do Ano Catequético. Lembramos que as comunidades que não puderem participar da missa paroquial, celebrem também em comunhão na sua comunidade.)

Atenção: O Objetivo da abertura solene do Ano Catequético é celebrar a unidade da ação catequética na Arquidiocese de Pouso Alegre, marcando esse tempo de graça do Processo de Educação da Fé, fortalecido por uma catequese como missão conjunta e não isolada. E assim, o DNC expressa esse desejo, quando diz que a fé dever ser conhecida, celebrada, vivida e cultivada na oração.

Este momento poderá acontecer logo após a homilia

Coordenador: Com alegria, nos reunimos em torno da mesa da Palavra e do altar do Senhor, fonte que nos alimenta no caminho do discipulado, para darmos início ao Ano Catequético em nossa Arquidiocese. Trazemos ao coração, especialmente a vocação e a missão do catequista: vocação de profeta – aquele que fala em nome de Deus – a serviço da comunidade a que pertence. Sendo servidor da Palavra, o catequista partilha e possibilita a experiência do encontro com Jesus Cristo.

Recordamos os catequizandos, nossos parceiros que precisam ser ouvidos, compreendidos, incentivados como colaboradores do processo de educação da fé.

Recordamos as famílias, símbolo da face amorosa do Deus Trindade, presença na construção de uma vida digna e feliz!

É momento de fazer memória e trazer ao coração os acontecimentos, que edificarão nossa caminhada neste ano.

(Apresentar alguns cartazes com os principais acontecimentos da caminhada catequética na diocese, paróquia e comunidade para o ano de 2015 – por ex. retiros, formações, celebrações, etc. Em silêncio o cartaz é apresentado para que seja visualizado por todos e em seguida sejam colocados em um local apropriado no presbitério).

RITO DE ENVIO (Apresenta-se um recipiente com óleo perfumado e em seguida chamando à frente catequistas e catequizandos faz-se a oração e unção dos mesmos).

Presidente da Celebração.: Ó Deus, com a força do teu Espírito ungistes os primeiros discípulos e discípulas de Jesus. Com a mesma força nos unge hoje para a missão de anunciar e testemunhar as tuas maravilhas. É todo nosso ser que agora ungido, consagrado é enviado em missão. Como catequistas, renovamos o desejo de proclamar tua Palavra. Que ela nos ilumine e que tenhamos corações ardentes ao dar testemunho dela. Que Teu Espírito nos ensine a arte de explicar as Escrituras e de mergulhar na experiência do Mistério.

Como catequizandos e família, possamos assumir nossas responsabilidades e influenciar a sociedade, fazendo-a perceber os sinais de Deus na cultura: cultivando os valores evangélicos, iluminando a vida com Tua luz e educando para a conversão e o diálogo.

Tudo isso te pedimos em nome de Jesus, que vive e reina para sempre. Amém!

Canto: Um só é o Senhor ou Vem Divino Espírito (Taizé); ou outro apropriado escolhido pela comunidade.

ORAÇÃO DO CATEQUISTA (Rezada por todos os catequistas. Sugestão: apresentar a oração no “data show” ou cada catequista tê-la em mãos)

Senhor, como os discípulos de Emaús, somos peregrinos. Vem caminhar conosco! Dá-nos teu Espírito, para que façamos da catequese caminho para o discipulado. Transforma nossa Igreja em comunidades orantes e acolhedoras, testemunhas de fé, de esperança e caridade. Abre nossos olhos para reconhecer-te nas situações em que a vida está ameaçada. Aquece nosso coração, para que sintamos sempre a tua presença. Abre nossos ouvidos para escutar a tua Palavra, fonte de vida e missão. Ensina-nos a partilhar e comungar do Pão, alimento para a caminhada. Permanece conosco! Faze de nós discípulos missionários, a exemplo de Maria, a discípula fiel, sendo testemunhas da tua Ressurreição. Tu que és o Caminho para o Pai. Amém!

PRECES (sugestão no lugar da Oração da Campanha da Fraternidade)

Presidente da Celebração: Deus de nossas vidas, vós chamais a todos nós catequistas, catequizandos e a família para sermos vossos discípulos-missionários. Chamai-nos a contemplar novos horizontes e nos convidais a novas aventuras que semeiem vosso Reino de Amor. Por isso vos pedimos:

Fortalecei Senhor, a conversão ao vosso Reino!

  1. Deus Pai de amor! Olhai pelos catequistas de vossa Igreja. Que eles sejam sinais de vida e de esperança a todos que são ávidos de tua Palavra, em especial junto dos pobres e sofredores do mundo, os desprezados e excluídos. Rezemos ao Senhor nosso Deus…

  2. Deus Pai de Comunhão! Olhai por nossas comunidades. Que nelas aconteçam a solidariedade, o compromisso, a partilha e o respeito mútuo. Rezemos ao Senhor nosso Deus…

  3. Deus Pai da Vida! Olhai pela sociedade mundial. Que nela a vida e sua sacralidade sejam sempre amadas e respeitadas. Rezemos ao Senhor nosso Deus…

  4. Deus Pai caminho de Luz! Olhai para cada um de nós. Fazei-nos ver com um novo olhar o vosso querer, para que vivamos em Vós como filhos da luz. Dai-nos vossa força para que não desanimemos diante das dificuldades, mas que continuemos sempre a acreditar em Vosso projeto de amor. Rezemos ao Senhor nosso Deus…

  5. Deus Pai da alegria! Olhai pelas famílias. Que todos nós tenhamos sempre uma palavra que anime, conforte e oriente e assim elas possam ser escolas da caridade fraterna! Rezemos ao Senhor nosso Deus…

Marcada a Formação intensiva para os catequistas

Acontecerá dos dias 29 a 31 de agosto de 2014 na ETE em Santa Rita do Sapucaí, um encontro de formação intensiva para os catequistas de toda a arquidiocese.

O tema será: Espiritualidade e Leitura Orante da Palavra de Deus e o encontro será conduzido pelo Pe. Narcizo Pires Franco.

Veja todas a informações aqui.

Inscreva-se, participe conosco!

Livro: O processo de formação da identidade cristã

livrocatequeseO livro “O processo de formação da identidade cristã: roteiros e reflexões para retiros e formação de catequistas com inspiração catecumenal” é um livro escrito por Pe. Vanildo de Paiva, Marlene Silva e Rita de Cássia Rezende, que se propõe ser um auxílio importante na tarefa que as comunidades eclesiais têm na formação de seus catequistas. Ao refletir sobre temas clássicos da espiritualidade cristã – tais como a sede de Deus, a conversão, a profissão da fé, a vida comunitária –, de maneira orante e celebrativa, ele se coloca como um instrumento bastante útil e significativo para a meditação do catequista acerca da própria vocação e vivência cristã, bem como sugere um itinerário espiritual a ser percorrido com os seus catequizandos no processo de iniciação à vida cristã.

Você pode degustar o livro aqui

É possível também adquirir o livro online aqui

Comunidade Javé Nissi realizou no último Domingo o Rebanhinho

rebanhinhoA comunidade Javé Nissi acolheu neste domingo dia 01 de junho 850 crianças para o Rebanhinho. O encontro teve a santa missa presidida pelo Padre Luis Carlos da Paróquia São Geraldo de Pouso Alegre. O Dia foi uma explosão do amor de Deus, todas as crianças e demais pessoas foram abastecidas pela presença poderosa do Espirito Santo.

Informações de: Natália N. Dalt

Coordenadora Arquidiocesana do Ministério Samuel

Catequistas se encontram para um dia de formação

DSCN3618Catequistas de diversas Paróquias da Arquidiocese de Pouso Alegre se reuniram neste sábado, 09, para um momento de encontro e formação no Seminário Arquidiocesano Nossa Senhora Auxiliadora. O tema geral foi “A espiritualidade do catequista e o Sacramento da Reconciliação”, refletido pelo padre Geraldo, membro da Equipe da Catequese da Arquidiocese de São Paulo.

Segundo o assessor, o catequista deve se formando e se completando no dia a dia e na experiência de Jesus Cristo.

“O catequista ideal não existe, não nasce pronto, mas se faz a cada dia da sua existência, como todo o

Pe. Geraldo, assessor do encontro
Pe. Geraldo, assessor do encontro

ser humano, constrói a sua identidade enquanto pessoa e enquanto catequista, tem que ter uma vivência espiritual, de onde parte um convicto anúncio de Jesus Cristo, e, deve ser alguém que vive para Jesus, e viver para Jesus, significa tê-Lo como o sentido da própria existência, se alimentando da vida que vem do Seu Espírito”, afirmou.

Padre Geraldo fez questão de reforçar que o catequista tem que “beber” sempre da fonte original, ou seja, estar sempre ao lado de Jesus Cristo.

“A vida, a missão e liderança do catequista têm seu fundamento e sentido na pessoa de Jesus Cristo e por isso deve modelar-se em seu ensinamento, suas atitudes e viver em conformidade com Ele. Deve se espelhar Nele e revelar a face do Mestre”, completou.

Ele continua.

“O catequista vocacionado para exercer sua missão específica na igreja, necessita encontrar meios para cultivar e aprofundar sua missão. Precisa fazer-se como discípulo missionário, a experiência do encontro com Jesus Cristo nessa realidade em constante transformação e tão desafiadora”, disse.

No final do encontro, a coordenação arquidiocesana teve oportunidade para refletir e partilhar os conteúdos dos trabalhados no Encontro do Regional Leste II, acontecido no final de agosto deste ano em Belo Horizonte.

Veja galeria de fotos

 

 

 

Pastoral Catequética tem encontro arquidiocesano neste sábado

Catequese_logoA Pastoral Catequética da Arquidiocese de Pouso Alegre confirmou para o dia 09 de novembro o encontro com todos os coordenadores paroquiais. O dia de formação vai ser assessorado pelo padre Geraldo, membro da Equipe da Catequese da Arquidiocese de São Paulo.

O tema abordado durante todo o dia será A Espiritualidade do Catequista e o Sacramento da Reconciliação. Também serão apresentados os conteúdos dos trabalhados no Encontro do Regional Leste II, acontecido no final de agosto deste ano em Belo Horizonte.

Dois catequistas da Equipe de Coordenação Paroquial são convidados. As presenças deveriam ter sido confirmadas até o último dia 4 de novembro pelos contatos da secretaria de pastoral:

Telefones: 3421-1248 e 9807-4610

Um investimento de R$ 25,00 é cobrado por pessoa.

Comissão da CNBB divulga mensagem pelo dia do catequista

dia do catequistaO dia do catequista é celebrado no dia 25 de agosto em todo Brasil. O presidente da Comissão Episcopal Pastoral para Animação Bíblico-Catequética da CNBB, dom Jacinto Bergmann, divulgou uma mensagem a esses importantes atores da caminhada da comunidade eclesial.

Confira na íntegra a mensagem:
Mensagem aos/às catequistas do Brasil
Um grande grito de louvor e ação de graças brota do nosso coração, por ocasião, mais uma vez, do dia do/a catequista. Nele celebramos o ministério bíblico-catequético de todos nós, tão essencial na vida da Igreja! O que seria da Igreja no Brasil, sem a plêiade de catequistas espalhados por todas as “periferias existenciais” do seu imenso território?
Neste ano de 2013, ainda em pleno Ano da Fé, fazemos a memória sagrada do documento “Catequese Renovada”. Desejo que cada um/uma de vocês sinta profunda alegria, não somente pelo documento escrito, mas por causa de toda a vida que ele gerou e impulsionou em nossa caminhada eclesial. Muitos de vocês, os/as mais vividos/as, guardam na mente e no coração o grande mutirão – um verdadeiro “vendaval” provocado pelo Espírito Santo – que trazia um dinamismo novo à nossa prática bíblico-catequética. Todos nós vimos ou ouvimos falar do imenso esforço feito por pessoas que gastaram o melhor de suas vidas para divulgar e tornar vivo em nossas comunidades este espírito novo. Quero destacar, de modo muito especial, o frei Bernardo Cansi, que já está na casa do Pai, de onde continua a nos inspirar. Este homem fez da “Catequese Renovada” sua grande missão para servir Jesus Cristo de forma incansável: uma verdadeira paixão que contagiou milhares de catequistas por todo o Brasil. Na pessoa dele agradecemos a Deus toda a nuvem de catequetas e biblistas a serviço da renovação bíblico-catequética. E também agradecemos a Deus por cada um de vocês que até hoje lutam e, sem esmorecer, continuam a lutar para tornar realidade o processo de iniciação à vida cristã e de animação bíblica da vida e da pastoral, que são os frutos atuais desse esforço de renovação.
Neste dia do/a catequista também não podemos deixar de lembrar o que aconteceu entre nós há um mês atrás. O profundo processo bíblico-catequético desencadeado pela JMJ, envolvendo grande número de bispos, presbíteros, religiosos e leigos – especialmente jovens -, mas tendo o Papa Francisco como catequista principal. Ele apareceu diante de nossos olhos maravilhados de uma maneira muito simples mas profundamente tocante de evangelizar. Uma catequese, feita por ele, de gestos, de atitudes, de simbologias e de palavras cheias de afeto e unção dirigidas ao coração dos jovens e de todas as pessoas, provocando ânimo, coragem, esperança e intensa alegria. Uma perfeita experiência de catequese “comunitária, vivencial e bíblica”, como o próprio documento “Catequese Renovada” propõe.
Por fim recordamos, agradecidos, o papel de Nossa Senhora Aparecida, grande catequista que sustenta a fé, a esperança e o amor do nosso povo brasileiro. Que ela esteja sempre ao nosso lado e nos alcance a bênção da Trindade Santa!
Parabéns, queridos/as catequistas da nossa Igreja no Brasil!
Dom Jacinto Bergmann
Arcebispo de Pelotas (RS)
Presidente da Comissão Episcopal Pastoral
para a Animação Bíblico-Catequética da CNBB
Com informações do Portal Ecclesia

Pastoral Catequética promove encontro para coordenadores

A Pastoral de Animação Bíblico-Catequética da Arquidiocese de Pouso Alegre promove no dia 27 de outubro, entre 08h e 16h, o III ENCONTRO DE COORDENADORES PAROQUIAIS DE CATEQUESE. A assessoria fica por conta do padre Vanildo de Paiva, que falará sobre “Sexualidade Humana”.

O dia de formação será realizado na Chácara do Pe. Mário Zappa, atrás do Clube de Campo Pouso Alegre. (Abaixo, veja como chegar)

Dois catequistas da Equipe de Coordenação, reafirmando a participação de coordenadores, são convidados.

A confirmação da participação deve ser feita até o dia 24 de outubro (quarta-feira), pelos contatos da Secretaria de Pastoral: (35) 3421-1248 ou 9807-4610, com Lucimara, ou pelos e-mails: [email protected] ou [email protected]
  
*Em tempo: O material de catequese do Anchietanum será entregue nesse encontro, no valor de R$40.00.
 
III Encontro de Coordenadores
Data do encontro: 27 de outubro de 2012.
Horário: 8h às 16h
Local: Chácara do Pe. Mário Zappa (atrás do Clube de Campo Pouso Alegre) (*).
Taxa: R$ 20,00 por pessoa, para despesas com local e assessoria.
 
Como chegar
(*) Para quem vem de ônibus, tomar o circular “Jardim Aeroporto”, na rodoviária.
(*) Para quem vem de carro – sentido Centro/São Cristóvão, entrar à direita no semáforo logo após o portão da Unilever (ou União Química), e tomar a rua à esquerda do portão do Clube de Campo Pouso Alegre.